razões-consumir-organicos

10 RAZÕES PARA CONSUMIR ORGÂNICOS

A escolha pela introdução dos alimentos orgânicos no cardápio contribui para uma boa saúde e preservação do meio ambiente. Os produtos orgânicos são livres de substâncias químicas, apresentam maior valor nutricional, melhor sabor e são sustentáveis. É a melhor escolha alimentar para obter saúde e garantir qualidade de vida para as futuras gerações.

A alimentação orgânica se preocupa com o que chega ao nosso prato, desde a produção até a hora do consumo. Afinal, o alimento orgânico não é simplesmente aquele que é produzido sem o uso de agrotóxicos. Toda a cadeia produtiva, desde o plantio até a venda, é manejada de forma a evitar danos ao meio ambiente, ou seja, de maneira sustentável.

Aqui estão 10 motivos pelos quais você deve preferir o consumo de orgânicos:

 

  1.   As substâncias químicas ficam fora do seu prato

Os alimentos orgânicos são cultivados sem a utilização de agrotóxicos ou insumos artificiais, como inseticidas, herbicidas, fungicidas ou adubos químicos. Além disso, produtores de carnes, laticínios, aves e ovos orgânicos utilizam 100% de alimentação orgânica para os animais e evitam o uso de hormônios de crescimento e antibióticos. Os animais são criados ao ar livre, com áreas de exercício, abrigo, ar fresco e luz solar direta adequados para a espécie.

 

  1. Maior valor nutricional

Por ser isentos de contaminação química e produzidos em solos balanceados e fertilizados com adubos naturais, os orgânicos possuem maior teor de vitaminas, minerais e antioxidantes quando comparados aos alimentos cultivados de forma tradicional. São isentos de substâncias tóxicas e nocivas à saúde.

 

  1. Alimentos orgânicos possuem melhor sabor e aroma

Alimentos cultivados de forma orgânica são mais saborosos e seu aroma é mais intenso. Isso ocorre porque em sua produção não há agrotóxicos ou produtos químicos que alterem seu sabor e aroma.

 

  1. Redução do risco de doenças

O consumo de produtos orgânicos evita problemas de saúde causados pela ingestão de substâncias químicas, tóxicas ao organismo. Os agrotóxicos deixam resíduos nos alimentos que podem provocar problemas respiratórios, distúrbios hormonais, reações alérgicas, problemas neurológicos e câncer.

 

  1. Não são geneticamente modificados

Outro ponto a destacar em relação à agricultura orgânica é a não produção de alimentos transgênicos – alimentos geneticamente modificados. Eles alteram o equilíbrio natural dos ecossistemas e tendem a substituir espécies e acabar com a variabilidade genética, a capacidade que os organismos têm de se adaptar a um ecossistema ao longo de gerações.

 

  1. Equilíbrio do ecossistema

Por não utilizarem produtos químicos no processo de cultivo, o risco de contaminação do solo e dos lençóis freáticos é menor, agredindo menos o meio ambiente. O controle de pragas e ervas daninhas é feito manualmente, com foco na prevenção. Além disso, preservam a fertilidade do solo, a qualidade da água, da vida silvestre e dos demais recursos naturais. A saúde das plantas, o bem-estar animal e a biodiversidade nas propriedades rurais também são valorizados. No processo de produção, toma-se muito cuidado para que não haja destruição e desgaste do solo. Este é protegido ou recuperado para continuar fértil. O resultado é um dano mínimo ao ecossistema.

 

  1. Alimentos orgânicos evitam a erosão do solo

Isso acontece graças ao uso de técnicas orgânicas como rotação de culturas, compostagem etc. O solo é a base da cadeia alimentar. O foco principal da agricultura orgânica é a utilização de práticas que constroem solos saudáveis?? que mantenham a biodiversidade do local.

 

  1. Protegem a qualidade da água

Os agrotóxicos utilizados nas plantações atravessam o solo, alcançam os lençóis d´água e poluem rios e lagos.

 

  1. O produto orgânico é certificado

A qualidade dos produtos orgânicos é assegurada por selo de certificação, que é fornecido pelas associações de agricultura que verificam e fiscalizam a produção de alimentos orgânicos desde a sua produção até a comercialização. O selo é a garantia de que o consumidor irá adquirir produtos saudáveis e livres de contaminação.

 

  1. Economia de energia

A agricultura orgânica dispensa o uso de agrotóxicos e adubos químicos no processo de produção, utilizando matéria orgânica no solo e o trato manual dos canteiros, procedimento contrário ao da agricultura convencional, que se apoia no petróleo como insumo de agrotóxicos e fertilizantes e é a base da intensa mecanização que a caracteriza.

PROCURAR POR PALAVRA-CHAVE

DICAS PARA FAZER LOWCARB

Há quem diga que a dieta Low Carb é uma dieta da moda, pela falta de conhecimento de seu contexto e aplicabilidade. No entanto, inúmeros estudos científicos, comprovam sua eficácia … Continue lendo “DICAS PARA FAZER LOWCARB”

SAIBA MAIS

SE JOGA NA ALFARROBA

Descubra com a Adê quem é a alfarroba e porque ela é chamada de “chocolate saudável”.

SAIBA MAIS
thumb_site_webserie_alfarroba

ALIMENTOS FUNCIONAIS: DESVENDE-OS

Conheça os alimentos que podem melhorar sua qualidade de vida!

SAIBA MAIS
shutterstock_348320018-(1)

PASSE MAIS TEMPO SOZINHO

Entenda por que é tão bom passar um tempo com você mesmo.

SAIBA MAIS
terca_feira_Por-que-voce-deve-passar-mais-tempo-sozinho
5

FUJA DA INTOXICAÇÃO ALIMENTAR NO VERÃO

Que tal passar o verão bem do início ao fim?

SAIBA MAIS

SUPERALIMENTOS PARA PERDER DE PESO

Não é a toa que eles são super!

SAIBA MAIS
MELHORES-SUPERALIMENTOS-PARA-PERDA-DE-PESO

INSCREVA-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Cadê meu Mundo Verde?
Encontre aqui a loja mais pertinho de você.